Don Quijote ambientalista vence eólicas em Lleida!

Viva!

Felizmente, ainda há ecologistas de bom senso! Os catalães da Ipcena estão de parabéns por esta vitória: um tribunal ordenou o desmantelamento de 45 geradores eólicos construídos ilegalmente.

Como, em Espanha, a lei ainda é igual para todos e os juízes ainda são órgãos de soberania, que isto sirva de exemplo para Portugal! Vale a pena atentar na sentença: «la tolerancia en esta materia conduce a una inaceptable situación de hechos consumados consistente en que, sin mediar cobertura normativa alguna y al amparo de meras licencias y autorizaciones administrativas, se implemente, ni más ni menos, que sistemas generales como el que nos ocupa, con el impacto, como mínimo, paisajístico que los mismos comportan».

É claro que, para a nossa mentalidade, os factos consumados só são inaceitáveis se estivermos a falar de uma família que tenha construido uma moradia ilegal nos anos 70 ou 80… Aí, ou pagam ou vem abaixo! Resorts turísticos em paisagem protegida, por exemplo, até têm a benção das autarquias e do governo – comensais e parasitas dos interesses que vampirizam o nosso património natural e edificado.

Como este é um tema querido ao Quarta República, sugiro a leitura deste artigo: http://www.amigosdelromanico.org/noticia/id_10032.html. Na Cantábria ainda não há Don Quijote que vença esta gente, estando o edificado românico em risco de não ser reconhecido como Património da Humanidade, porque as catedrais da novíssima relião ecologista nascem como cogumelos!

Cumprimentos!

António Gaito

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: