Archive for the ‘Ambiente’ Category

Máximo solar atingido – mais um passo para o arrefecimento global

09/05/2011

Viva!

Tiro o chapéu ao Watts Up With That pela divulgação.

Os alarmistas/ecologistas negam que o Sol tenha influência no clima da Terra – o que faria do nosso planeta um caso único em todo o Sistema Solar! Também negam, como quem diz que os rios sobem montanhas, a importância dos ciclos solares na variação do clima.

Já, por várias vezes, abordei a importância do Sol no clima da Terra. (more…)

Anúncios

Climate Wars – Abril de 2011

08/05/2011

Viva!

Os antecedentes deste artigo podem ser lidos aqui, aqui e aqui.

É dia 8 de Maio e ainda não sabemos qual foi a anomalia da temperatura global em Abril. Não me recordo, desde que presto atenção a este tema, de um atraso tão grande de TODAS as cinco provedoras destes dados – três baseadas em termómetros e duas em observações de satélite. (more…)

Tributo ao Eng.º Rui Moura – a sua última entrevista

08/05/2011

Artigo convidado de José Maria Pignatelli:

Rui G. Moura - 1930-2010

 

Não somos capazes de alterar o clima!

 A poluição é tema ambiental e não climático. Felizmente que os humanos não têm poder para alterar o clima. A poluição é um tema a tratar pelos ambientalistas que nunca deviam tê-la misturado com o clima.

Os gases antropogénicos não têm interferência detectável do ponto de vista climático. A sua influência é infinitamente pequena. Há fenómenos que comandam a dinâmica do clima que têm uma importância infinitamente grande quando comparada com a dos gases antropogénicos com efeito de estufa. (more…)

Um conselho ao próximo governo

05/05/2011

Central Fotovoltaica da Amareleja - um dos "elefantes brancos" do desgoverno Sócrates.

Viva!

O F.M.I. já começou a pôr alguma ordem neste parque de diversões socialista, para desagrado dos crentes na religião ecologista e dos oportunistas que investiram nas energias renováveis à custa dos contribuintes. Lanço agora um repto ao futuro Primeiro-Ministro de Portugal (Paulo Portas, espero estar a dirigir-me a dirigir a si!): (more…)

Últimos dados sobre o arrefecimento global

04/05/2011

Anomalia das temperaturas globais, medida por satélite, repeitante ao mês de Março.

Viva!

Ainda não saiu a anomalia de Abril, mas, já temos os dados do sistema AMSU (o mais importante, para quem estiver interessado, é o canal 4), depois de o mau tempo nos E.U.A. ter deixado os servidores da UAH em baixo. (more…)

A origem do “Aquecimento Global”

04/05/2011

Viva!

Para quem não conhece a história do alarmismo sobre o alegado “aquecimento global”, este documento é um bom ponto de partida: history_of_the_global_warming_scare. (more…)

Caracois, alterações climáticas e pseudo-ciência: quem gostar, coma-os…

04/05/2011

Viva!

Isto nem merece o trabalho de escrever um artigo, mas, só para dar a conhecer o absurdo a que os pseudo-cientistas com agendas políticas chegaram: journal.pone.0018927[1] – publicado na prestigiada PLoS ONE. (more…)

Ecologismo como religião

30/04/2011

Michael Crichton

Viva!

Já, por várias vezes, tenho defendido que o ecologismo tornou-se um fenómeno religioso. Não tenho, porém, conseguido argumentar de forma tão concisa e brilhante como fez Michael Crichton. (more…)

O que é que se passa no Ártico?

28/04/2011
 

Anomalia térmica à superfície do mar, regularmente actualizada na barra lateral deste blog.

Viva!

À vista desarmada não é fácil distinguir a aberração que existe actualmente no círculo polar Ártico, mas, com poucas centenas de quilómetros de diferença, há massas de água com diferenciais térmicos na ordem dos 9C!

Como o saudoso Rui Moura não está aqui para nos orientar, não sei o que dizer disto: (more…)

Aposta de uma caneca de cerveja sobre a anomalia de temperatura em Abril

28/04/2011

Tabela actualizada regularmente na barra lateral deste blog.

Viva!

Ainda não sabemos qual será a anomalia da temperatura global no mês de Abril (medida por satélite, obviamente), mas, sobre o mês de Maio podemos ter uma certeza: vai começar fresco e húmido. Sabendo que, nas circunstâncias actuais, o principal factor determinante do clima no litoral da Península Ibérica é a Oscilação do Atlântico Norte, basta olhar para o primeiro gráfico da tabela acima… Já fui, até, acusado de “pirraça” por ter previsto as chuvadas deste mês com base neste indicador! (more…)

“Cap and trade” – mais um esquema para empobrecer o Ocidente

27/04/2011

 

Viva!

Tenho, nos últimos dias, lido alguns dos estudos e ensaios que o S.P.P.I. disponibilizou gratuitamente.  Um documento, em especial, captou a minha atenção por ligar dois temas que me são caros: a moeda fiduciária e o “cap and trade“. Nunca me tinha apercebido que os créditos de carbono, no fundo, são apenas outra forma de moeda inventada! (more…)

Para onde foi o nosso dinheiro?

23/04/2011

Viva!

Portugal comprometeu-se a gastar 36 milhões de Euros em programas de mitigação do “papão” climático, ou seja, distribuir a riqueza criada por portugueses pelos PALOP.

Desengane-se quem pensa tratar-se de ajudas ao desenvolvimento: «Fast start finance remains one of the main issues in the international climate change talks.» É este o verdadeiro núcleo de todo o alarmismo sobre o impacto do Homem no clima do planeta – um pretexto para distribuir a riqueza do Ocidente pelos países em desenvolvimento.

Cumprimentos!

António Gaito

Tempo e Clima – uma confusão nada inocente

22/04/2011

Oscilação do Atlântico Norte - gráfico regularmente actualizado na barra lateral deste blog.

Viva!

Já me irrita a confusão sistemática entre “tempo” e “clima“! Um tromba-de-água, como a que ocorreu no Algarve, é um fenómeno meteorológico e não “climatérico” – palavra que os ignorantes utilizam quando querem dizer “climático”… Ele são as legendagens e dobragens mal feitas, os notíciários e jornais que desinformam, os “manda-bitaites” da internet… E, como a lavagem cerebral foi tão bem feita, não é possível ter uma conversa com um leigo na matéria em que esta confusão não apareça! (more…)

Governo “em gestão” ordena expropriações urgentes

20/04/2011

Viva!

Com o governo em gestão, o senhor Secretário de Estado Adjunto das Obras Públicas, Paulo Campos, assinou este despacho em que declara de utilidade pública e atribui carácter de urgência às expropriações em paisagem protegida, para o alargamento da estrada que liga a Costa da Caparica à Fonte da Telha: Diário da República de 20 de Abril de 2011 – 1784817874.

Não vou questionar o facto de se tratar de património natural protegido; nem vou questionar a necessidade da obra; nem sequer os custos envolvidos; nem, por estúpido que pareça, a pertinência disto num momento em que os portugueses estão estrangulados pelo despesismo socialista! Só gostaria que me esclarecessem esta dúvida: isto é legal?

Será que, a contar estar desempregado no próximo Verão, o senhor Secretário de Estado já está a tratar reduzir as filas de trânsito para ir à praia?

Cumprimentos!

António Gaito

Biocombustíveis mataram 192.000 pessoas desde 2004

20/04/2011

É, literalmente, encher os depósitos de combustível com comida!

Viva!

As políticas de incorporação obrigatória de bioetanol e biodiesel nos transportes, que levaram à reconversão de campos agrícolas e aumento do preço dos alimentos foram, de acordo com um novo estudo, responsáveis por cerca de 192.000 mortes adicionais entre 2004 e 2010: goklany2011.

É assim que o ecologismo-melancia (verdes por fora, vermelhos por dentro), na luta quixotesca contra o seu moinho de vento, o “aquecimento global de origem antropogénica“, impede que as pessoas destruam o planeta: deixa-se morrer as pessoas!

Cumprimentos!

António Gaito

Intensidade das cheias diminuiu nos últimos 40 anos

20/04/2011

Tendências de descarga nas bacias estudadas

Viva!

Como os ecologistas gostam de inventar dados para assustar, a realidade não costuma ser divulgada. A verdade é que uma equipa da National Technical University of Athens observou os caudais médios de rios, sobretudo no Hemisfério Norte e, ao contrário da propaganda dos profetas do “aquecimento global”, a tendência das cheias – máximos de descarga diários –  é ligeiramente negativa desde 1970: 2011EGU_DailyDischargeMaxima_Pres.

Cumprimentos!

António Gaito

George Monbiot – um dissidente ecologista?

19/04/2011

Viva!

George Monbiot, um dos mais conhecidos propagandistas do alarmismo climático, parece cada vez mais um dissidente do movimento “verde”.  Depois da sua “conversão” a apoiante da energia nuclear, não hesita agora em afirmar que os ecologistas enganaram o mundo sobre os perigos da radiação. Os artigos escritos para o jornal Guardian sobre este tema podem ser consultados aqui: http://www.monbiot.com/category/nuclear/.

Quem sabe se Monbiot não virá a ser tão odiado pelos ecologistas como o co-fundador da Greenpeace, Patrick Moore! A julgar pelas vozes “verdes” que já o atacam por se limitar e exigir factos correctos, rigor científico e honestidade intelectual…

Cumprimentos!

António Gaito

Lâmpadas “economizadoras” emitem vapores tóxicos

19/04/2011

Viva!

As lâmpadas flourescentes compactas, também chamadas de “economizadoras”, não deixam de me surpreender pela negativa! Agora é um teste realizado na Alemanha em que todas as lâmpadas testadas emitiram gases altamente tóxicos, sobretudo, vapores de fenol.

Ou seja, são mais caras, recorrem a publicidade enganosa, emitem um tipo de luz prejudicial à visão, quando se partem contaminam o espaço com mercúrio altamente tóxico e emitem gases perigosos quando estão acesas… Mas as lâmpadas incandescentes é que são perigosas para o ambiente porque consomem muita electricidade!

Cumprimentos!

António Gaito

Mais um prego no caixão do “aquecimento global causado pelo Homem”

18/04/2011

Esquema simplificado do balanço radiativo da Terra.

Viva!

Um dos pontos fundamentais na Teoria das Alterações Climáticas de Origem Antropogénica é o aumento da infrared back radiation (não encontro uma tradução correcta para português), em consonância com o aumento do CO2 atmosférico.

Ou seja, se o dióxido de carbono aumenta (sobretudo por razões naturais e, em parte, pela actividade humana), deve também aumentar a quantidade de radiação no comprimento de onda de infravermelhos a ser retida pela atmosfera. Os modelos informáticos utilizados para prever o clima futuro – que nem conseguem reconstituir o clima passado – dão isso como facto provado.

O facto, na verdade, é que a quantidade de radiação solar que, em teoria, devia ser devolvida à Terra pela maior quantidade de dióxido de carbono, está a diminuir. Lamentavelmente, o artigo é a pagar, mas, pode ler-se o abstract. (more…)

Desemprego – como o ecologismo enganou os políticos

17/04/2011

%d bloggers like this: